junho 22, 2017

Um jeitinho especial para resolver choques culturais


https://www.youtube.com/channel/UCN0-RRaxMgh86eOwndAklxw

Ufa ... que chatice

Mais um revés para os DEM ... agora na Geórgia e ainda por cima a dita desfeita protagonizada por uma mulher!
Não se aguenta.

junho 21, 2017

Está provado ... este era mesmo maluquinho

Depois de constatar a notável falta de eficácia, quando comparado com outros casos recentes usando a mesma metodologia, fiquei com a certeza: ou era estrabismo, ou perturbação mental, ou pontaria defeituosa ou umas laggers a mais (ou tudo).

O senhor que perdeu o controlo da viatura à saída do quartel de Finsbury, estava já a Sra May a sair do nº 10 para carimbar como acto terrorista islamofóbico, sofria de perturbações mentais. Foi quase linchado mas teve sorte: podia ter ficado num passevite.

Treinos para a paz e a tolerância





64 funerais e um sebento

Dava um filme ... até agora nenhuma demissão!

Anda a Sra Constança a estragar a roupinha e a chegar a casa com aroma a chouriço caseiro tirado da chaminé, como se fazia em casa de lavoura nos meus tempos de menino.

Banha da Cobra

Numa novela um raparigo virou rapariga e pôs-se a namorar uma rapaz que a tinha como genuína e verdadeira. Descobriu e ele(a) levou uma surra já que há que mostrar transfobia: quem não aceita totalmente tem que ter etiqueta de agressor ou no mínimo de mentecapto e atrasado.

Um preto veio e deu uma surra no namorado enganado: há raças mais propensas a um apurado sentido de justiça. Quem ficará com a trans? Não sabemos.

O romantismo e as ilusões podem ser tramadas: veja-se um casal, classificado de modelo na sua especialidade, que "concebeu" com barriga de aluguer!

Model gay adoptive ‘fathers’ sexually abused 6-year-old for years: offered him to pedophile ring


SYDNEY, July 3, 2013 (LifeSiteNews.com) - Police in Australia have described as "depraved" the case of a six-year-old boy who was sexually abused by his adoptive homosexual "fathers" and other men who were part of an international child-porn syndicate known as the Boy Lovers network.

Self made man

Obama, ainda um Deus na terra para muitos, fala contra a desigualdade cobrando a miserável quantia de 7000 euros por minuto na Câmara de Comércio de Montreal. O livro das patéticas memórias deste usurpador vai-lhe dar 65 milhões: é bom ser de esquerda! Como ficará a desigualdade depois disto?

Frustrado ... sou um verbo de encher

Ouvir sempre todos os anos o mesmo paleio, das mesmas pessoas, sobre o mesmo assunto dos incêndios aborrece. Debitam rigorosamente o costumeiro palavreado, os chavões de cordel, a arrogância de sabedores, as banalidades de catálogo: estou cansado das mesmas caras de especialistas encartados e deslavados ... ano após ano. São boçais, repugnantes ... levam a sua vidinha!

O que fica são pessoas pobres que choram um galinheiro, um porquito engordado, uma vaca, umas cabras. Choram a horta, as videiras e a casa que se foi. Choram o sustento desaparecido ali! Uma vida de luta dia a dia.

Há dois Portugal: o Portugal dos estivadores, dos professores, dos ferroviários, dos trabalhadores do Metro, da Transtejo e o Portugal da gente abandonada.

Querem fixar as pessoas no interior e conseguem .... nos Cemitérios! Já vimos que ninguém pretende assumir nada ... nem que fosse por um pintelho de decência. A comunicação social é uma corja de lambe-botas e de vendidos.

junho 19, 2017

End of the game

Um artigo que vale a pena ler:

The stresses caused by this mass immigration never affected the elites who engineered it, so they ignored the spiralling crime-rates which the working classes — the lucky recipients of this ‘cultural enrichment’ — had to endure. The rise of widespread Islamic terrorism in the past couple of decades has pushed those stresses more into the public eye, but has had little or no impact upon the belief-systems of the politically correct elite. The replacement of Europe’s native population will continue unabated. And this is something that needs to be emphasized. In the ‘Clash of Civilizations’ debate the ruling elites are NOT neutral; they are firmly on the side on the Islamists. Indeed, every tool that can be employed to crush all opposition to the Islamization of Europe is being employed: Everything from the crude power of state compulsion to the more subtle and insidious power of blanket media propaganda. As long as the present elites remain in control, the Islamization of Europe will proceed — irrespective of how many atrocities the Islamists commit.

Hoje, que um carro abalroou moamedes à porta de uma mesquita de radicalização extrema, não houve dúvidas: ataque terrorista; não é maluquinho; não está sobre o efeito das drogas; não é um radical e a culpa é da islamofobia. 

Um tropa fandanga

A trágica morte de quase 70 pessoas mostra ao Mundo a fibra de quem nos comanda e informa:
  • O tio Marcelo distribui abraços e afectos;
  • O tio Marcelo acha que está tudo bem e nada há para averiguar;
  • Uma ministra manda sair um secretário de Estado da sua frente para aparecer na foto de acordo com a hierarquia;
  • O Costa tem tempo de antena para dizer umas banalidades -há que repôr o fornecimento de água, energia eléctrica, etc- ou grandiloquências tontas "há que ter nervos de aço";
  • Apenas um jornalista - estrangeiro ainda por cima-  foi o único a colocar a Costa uma pergunta mais difícil: "com tanta experiência em fogos, como deixaram isto acontecer?" ao que o Costa responde com a banalidade "das condições" excepcionais;
  • A oposição, sempre politicamente correcta, é masoquista (gosta de levar) e não ousa levantar a voz e exigir uma demissão pelo menos;
  • A Judiciária vai fazer do "agulha em palheiro" um ditado obsoleto: encontrou uma árvore numa floresta -e até um ramo partido da mesma árvore-  onde terá caído o raio de uma trovoada seca que lançou um incêndio que já lavrava;
  • Na RTP-3 vejo finalmente uma jornalista a fazer umas perguntas pertinentes! Mas a quem? A Passos Coelho! 
  • E mais, mais, mais
Isto é uma choldra!